Eu no presente do indicativo

E graças a falta de vontade de usar a cabeça para escrever algo sobre a vidinha, ou receitas, ou reclamações, ou qualquer coisa que pudesse sair naturalmente da minha caixola, vou usar isto que vi lá no blog da Ciça com uma alavanca para deixar a falta de vontade de lado:


eu quero… que a distância entre a Austrália e Brasil seja não mais que uma hora de vôo.
eu tenho… muito otimismo e muita preguiça.
eu gostaria de ter… mais paciência.
eu gostaria de não ter… de fazer dieta toda vez que as calças ficassem apertadas.
eu acho… a vida aqui em Aussie land muito pacata.
eu odeio… gente burra, mal educada e preconceituosa (tudo junto ou separado - odeio com paixão).
eu sinto saudades… de todas as pessoas que não posso ver quando eu quero.
eu faço… comidinhas gostosas em raros momentos de inspiração e paciência.
eu fiz e não faria de novo… acampar sem infraestrutura alguma (tipo Ilha do Mel).
eu fazia e deixei de fazer… academia.
eu escuto… o pentelho daquele pássaro cantando noite adentro.
eu cheiro… Lovely (adjetiva e perfumalmente falando - oh, modéstia).
eu imploro… para ter mais paciência com os outros.
eu pergunto-me… se um dia terei respostas para todas as perguntas que se alojam na minha cabeça.
eu arrependo-me… de nada.
eu amo… todos que me fazem sentir bem e feliz.
eu sinto dor… até ontem, de barriga.
eu sinto falta… da minha família e de Curitiba.
eu sempre… penso em não ter de trabalhar.
eu não fico… sem tomar uma xícara de café preto pela manhã.
eu acredito… em todo mundo até que me provem ao contrário.
eu danço… muito bem.
eu canto… muito pouco (thank God!).
eu choro… quando lembro dos meus avós; quando ouço acordeom, por me fazer  lembrar do meu nono; quando brigam comigo; quando me contrariam; quando não posso fazer o que quero quando eu quero como eu quero.
eu falho… em manter as minhas unhas pintadas sempre (e passar roupa toda semana).
eu luto… por nada, mas não queira disputar um par de sapatos comigo.
eu escrevo… muito pouco do que gostaria.
eu ganho… toda vez que alguém me diz que não vou conseguir fazer algo.
eu perco… em discussões que involvam lógica.
eu nunca… vou dizer nunca para nada.
eu estou… no quarto, de pijama, tranquila e feliz.
eu sou… muito auto-confiante.
eu fico feliz… com tantas coisas, até um sorriso de um desconhecido muda meu estado de espírito para feliz.
eu tenho esperança... de antes de morrer realizar todos os meus planos.
eu preciso... de roupas de verão, uma bolsa amarela, relógio de face preta, eyeliner preto da MAC, perfume Versace Versence, perfume Chloé, perfume Bvlgari BLV II, fazer luzes no cabelo, deixar de ser tão consumista, etc.
eu deveria… ter feito mais coisas hoje, como ter passado roupa.

10 comentários:

Marcia disse...

Eu também vi isso na Ciça, mas até preguiça de fazer isso eu tive.

E quando for comprar o seu eyeliner da MAC da uma olhada na cor dipbrown que vi num desses blogs por aí e achei linda.

Beijos e Bom fim de semana.

Roseane, disse...

A receita para não ser tão consumista é muito simples, mas que tal trocarmos pela receita de como ser auto-confiante?
Eu também quero ser mais paciente, por mais que digam que eu sou...eu também quero roupas de verão...a vida em Heidelberg também é pacata demais.
Gostei disso!!!
Bjks e bom final de semana!!!

Vivi disse...

A-DO-REI!
Vi na Ciça tbm e tô pensando em fazer o meu :)
Bjokas amiga e se eu estivesse aí, queria que vc me levasse nesse chiro pra melhorar minha coluna :)

Edelize disse...

Marcia - esta preguiça toda é de tanto trabalhar na fazendinha! Anotei a dica do eyeliner. Estou usando um marrom da Bourjouis que é bonzinho. Bjcas.

Ro - receita para auto-confiança? acho que é assim: só meter as caras e não analisar muito (sei lá, mas já vou dizendo que às vezes isto não é muito bom). Não ser tão consumista, devo dizer que estou melhorando (aposentei um cartão de crédito)! Bjcas.

Vivi - faz o seu. Adoro coisinhas assim, direta e fácil de fazer. Este chiro é um deus de tão bom! Cuide-se! Bjcas

Cris S. disse...

Amei a tua foto!! bjs

Ciça Donner disse...

Uma pergunta... deixar de ser consumista PRA QUE??? Que bem causarás a humanidade com isso? Que bem causarás a ti? O que te trará de bom simplesmente nao ter mais vontade de comprar nada??? Mana, para com isso que me da medo!

Edelize disse...

Cris - thanks! um pouquinho de manipulação ajuda! Bjocas!

Ciça - minha deusa, deixei de lado a idéia para sempre. São estes tree-huggers influenciando minha alma inata de consumismo abusado de primeiro grau. Tô arrumando as malas para um final de semana de puro consumo e extravagância. Falando sério, a vida é tão curta e shopping é tão bom. Bjcas

Cynthia Saccoman disse...

Adorei!!!!
Também queria escrever muito mais do que escrevo.
Posso fazer no meu blog?
Beijos

Edelize disse...

Cynthia - a vontade, publique o seu. Bjcas.

Mi disse...

tava com uma preguica de responder essas perguntas, mas vou copiar o post tb! ;) hehe O que eu adorei no seu foi que vc nao se arrepende de nada! é meio caminho andado pra felicidade. =) bjs!

Blog Widget by LinkWithin

Stats

Clicky Web Analytics

Foi assim...